Tu és... Time de tradição... Raça, amor e paixão... Oh meu Mengo!!! Eu... Sempre te amarei... Onde estiver estarei... Oh meu Mengo!!!

quinta-feira, 22 de outubro de 2015

Oswaldo lista méritos do Corinthians, mas aposta em "ponto fora da curva"


Oswaldo entrevista Flamengo (Foto: Gustavo Rotstein)Uma rápida olhada na tabela é suficiente para que fique clara a diferença das campanhas de Flamengo e Corinthians. São nove posições de distância, traduzidas em 23 pontos a mais, 11 derrotas a menos e 18 gols marcados de vantagem por parte dos paulistas. Mas Oswaldo de Oliveira sabe que o futebol está longe de ser uma ciência exata e que o imponderável é um elemento que se faz presente. Por isso, mostra confiança num bom resultado no duelo deste domingo, em São Paulo, embora a campanha recente do Rubro-Negro aponte apenas uma vitória e quatro derrotas nas últimas cinco rodadas.

- Muitas vezes num jogo, em 90 minutos, pode ter um ponto fora da curva. O campeonato tem 38 partidas. O Corinthians já perdeu e o Flamengo já ganhou. Pode voltar a ocorrer. Essas coisas diferentes acontecem, e isso é que vamos buscar - disse.

Oswaldo também sabe, entretanto, que é preciso melhorar em campo para aumentar as chances de sucesso no domingo, sem apostar exclusivamente em surpresas. Por isso, reconhece que o Corinthians tem vantagem na partida, principalmente pela sua estruturação dentro e fora de campo.

- Temos consciência do que estamos fazendo e do que podemos fazer. Esses números são importantes porque refletem a preparação que os dois clubes e equipes têm tido, não só este ano, mas há algum tempo. Flamengo tentando se estruturar, fazendo uma higiene financeira, procurando dar as melhores condições no Ninho para jogadores e comissão técnica. O Corinthians recentemente campeão mundial, infraestrutura maravilhosa, elenco concebido de forma mais prolongada e só fazendo mudanças de acordo com suas necessidades - explicou.

O Flamengo optou por fazer treinos fechados à imprensa nos dias que antecedem a partida contra o Corinthians. Segundo Oswaldo de Oliveira, a ideia é valorizar o elemento surpresa. O treinador tem problemas para armar o grupo que viaja para São Paulo. Gabriel, Everton e Paulinho estão em observações, já que se recuperam de lesões.

- Paulinho ainda sente dores e, desses, é o que tem menos condições. Everton voltou a treinar e está se preparando melhor. Gabriel sofreu uma torção no tornozelo. Só vamos saber desses jogadores no sábado, portanto ainda temos dois treinos. A expectativa é de que todos treinem no sábado prontos para o jogo - observou o técnico rubro-negro.



Nenhum comentário: