quinta-feira, 2 de julho de 2020

Flamengo enche os cofres com transmissão no canal oficial e receita anima Landim nos bastidores

Flamengo venceu o Boavista por 2 a 0 na primeira transmissão ao vivo que realizou em seu canal oficia (FlaTV). A partida contou com 14 milhões de acessos no geral, 2,11 milhões simultâneos no YouTube e 148 mil no Facebook. Foi um grande recorde se tratando de transmissões esportivas online. Mesmo diante de uma partida que não teria tanto apelo, a torcida flamenguista “compareceu” em peso. 

O Portal UOL Esporte informou que o Rubro-Negro estima receber só com “ingressos virtuais” R$ 800 mil. Os números ainda são preliminares e essa projeção pode aumentar. O Flamengo ainda contabiliza valores de quanto vai receber pela exibição da marca de alguns patrocinadores, além da receita que vem do exterior, onde os flamenguistas pagaram oito dólares (R$ 42,4 na cotação atual) e a monetização do próprio conteúdo. 
Com isso, a diretoria do Mais Querido do Brasil acredita que as cifras totalizadas podem chegar próximo a R$ 2 milhões e o clube fica ainda mais forte para negociar com a Globo um acordo que acha justo. As conversas neste momento estão emperradas, mas existe a chance de um acordo sair. Executivos da emissora devem realizar novas reuniões com a alta cúpula do Flamengo. 
O presidente Rodolfo Landim não abre mão de receber um valor que ele entende ser apropriado para o Rubro-Negro. Como o torneio está em fase final, as conversas seguem para o Fla receber por cada jogo e, assim, receber o montante “cheio” no Campeonato Carioca da próxima temporada. Vale lembrar que para o Campeonato Brasileiro nada muda e o Mengão segue tendo contrato com a Globo. 
Em campo, o time de Jorge Jesus não deu chances para o Boavista e o placar poderia ser mais elástico. No segundo tempo, a equipe rubro-negra perdeu vários gols dentro da pequena aréa e esse foi um ponto que o Mister criticou durante entrevista pós-jogo. 



Globo rescinde contrato de transmissão do Campeonato Carioca






Flamengo diz que não será S/A e estima receita em R$ 50 milhões por ano com BRB




Após aprovação do Conselho Deliberativo no início da semana, o Flamengo, em coletiva virtual, apresentou oficialmente o Banco de Brasília (BRB) como novo patrocinador master na manhã desta quarta-feira. O presidente Rodolfo Landim e o vice de comunição e markenting Gustavo Oliveira, ao lado de Paulo Henrique Costa, presidente do BRB, destacaram a "parceria inédita e histórica" no futebol brasileiro.


De acordo com Landim, o conjunto de ações tem um valor garantido de R$ 32 milhões, mas existe a expectativa por um aumento da receita com o passar do tempo.

- É difícil falar nesse momento (o valor anual), temos uma série de produtos que estamos desenvolvendo. O que podemos dizer a vocês é que o Flamengo tem a garantia de um mínimo de R$ 32 milhões, mas temos um plano de negócios e à medida que esses produtos chegam ao mercado a ideia é que essas receitas possam ir aumentando. Diria algo realista, não otimista, R$ 50 milhões por ano em 3 anos. Espero um resultado positivo, mais surpreendente ainda, para que a gente possa ter valores ainda maiores - disse o presidente do Flamengo.

O novo formato de parceria, segundo Landim, não significa um movimento do clube para se transformar em S/A. A visão das partes envolvidas na negociação é na divisão de receitas a partir de produtos financeiros a serem desenvolvidos em conjunto.

- O Flamengo não tem planos de se transformar em S/A, é uma associação desportiva. Não temos nada contra que outros clubes se transformem em empresas, mas a posição do Flamengo é de que quer permanecer como associação desportiva. Sobre o BRB, é muito cedo para falar algo, começar a desenvolver esses produtos, a divisão de receitas já foi explicada, e dependendo de como isso evoluir a ideia é trabalhar para formalizar uma empresa. Mas isso ainda é muito novo, são coisas para decidir mais tarde. O momento é trabalhar para desenvolver esses produtos.

A diretoria anunciou no dia 19 de junho o acerto com seu novo patrocinador por um período de três anos. O valor mínimo garantido se dá pelo direito de exclusividade de exploração dos negócios previstos no acordo envolvendo torcedores, imagem e negócios corporativos com o clube.

O Conselho aprovou na noite de segunda-feira o contrato. Em votação online, com recorde de participação, houve 1.083 votos a favor, 31 contra e uma abstenção.





Flamengo bate recorde em transmissão esportiva na internet



Com a transmissão de Flamengo x Boavista nesta quarta (01), pela última rodada da Taça Rio, a Fla TV bateu recorde de audiência quando se trata de transmissões na internet no Brasil. Com a live em todas as plataformas digitais, o jogo ultrapassou Internacional x Grêmio pela Libertadores, transmitido pelo Facebook em março deste ano. 

Segundo a métrica de audiência em todos os lugares que o jogo foi exibido (Facebook, YouTube, Twitter e MyCujoo), a partida do Estadual do Rio ultrapassou a marca de 2 milhões e 200 mil espectadores simultâneos por volta das 22h15. O recorde antigo era de 2 milhões e 100 mil. Além da marca imponente na internet como um todo, Flamengo x Boavista também se tornou o jogo ao vivo mais visto no YouTube brasileiro em todos os tempos, ao passar de 2 milhões de espectadores únicos.

O jogo foi transmitido na Fla TV com narração de Emerson Santos e comentários de Alexandre Tavares e Raul Plassmann - este último, como convidado especial, por ter sido ídolo do Flamengo entre os anos 70 e 80 e comentarista por muitos anos da Globo em transmissões de jogos. 

Para a noite onde farejava recordes com o jogo do Carioca, o Flamengo contratou a empresa PlayRec Produções, que também faz transmissões de jogos para a Globo no Premiere, para auxiliar na transmissão. A produtora ofereceu infraestrutura de nove câmeras para o Rubro-Negro. Com mais três ou quatro usadas habitualmente pelo clube, a partida teve entre 12 e 13 câmeras captando tudo em campo. 

A transmissão na Fla TV ocorreu após a Medida Provisória 984, assinada pelo presidente Jair Bolsonaro, que dá ao time mandante o direito de veiculação de um jogo. A Globo tentou liminar para impedir a transmissão pelo YouTube, dizendo que a MP não valia para contratos em vigor. A Justiça negou a liminar em primeira instância. A Globo tentou recorrer, mas a Justiça do Rio não julgou o mérito em segunda instância antes do início do jogo, às 21h30.


terça-feira, 30 de junho de 2020

Flamengo 2 x 0 Boavista


Gols: Pedro (35'/1ºT) e Gerson (5'/2ºT)

Estádio: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)


Data e horário: 1º de julho de 2020, às 21h30



Árbitro: Rodrigo Nunes de Sá

Assistentes: Rafael Sepeda de Souza e Wallace Muller Barros Santos

Onde ver: FLA TV (YouTube)




FLAMENGO (Técnico: Jorge Jesus)

Diego Alves; Rafinha, Rodrigo Caio, Léo Pereira e Filipe Luís; Willian Arão (Thiago Maia, 30'/2ºT), Gerson (Diego, 15'/2ºT), Everton Ribeiro (Michael, Intervalo) e Arrascaeta (Pedro Rocha, 29'/2ºT); Bruno Henrique e Pedro (Vitinho, 15'/2ºT)



Globo avisa clubes que vai começar a pagar o contrato de PPV do Brasileirão



O Grupo Globo vai pagar os direitos de transmissão do PPV (pay-per-view) a partir desta quarta-feira (1), segundo acordo firmado com os clubes quando houve reprogramação de pagamentos devido à pandemia. A empresa já enviou comunicado aos parceiros de que fará os depósitos.

A emissora, no fim de abril, propôs o corte em três parcelas (abril, maio e junho) referente aos direitos de TVs aberta e fechada da Série A do Brasileiro. Os clubes não gostaram, negociaram, e se não cancelaram a diminuição nessas parcelas conseguiram algumas garantias, como o início do pagamento da cota do PPV para o dia 1º de julho, independentemente da data na qual o Brasileiro começará — como sabemos o torneio foi adiado em maio e a previsão otimista da CBF é somente para agosto. 

Dos 20 clubes que disputarão a Série A em 2020, 17 têm contrato de PPV com a Globo. Somente Athletico, sem acordo desde o ano passado, e Coritiba e Red Bull Bragantino, recém-promovidos da Série B, não assinaram para essa plataforma e não têm direito a bolada que começará a ser paga essa semana.

Havia apreensão de alguns clubes de que o pagamento pudesse ser postergado, principalmente depois da divulgação de que a Globo foi à Justiça para não pagar à Fifa uma parcela que vence nesta terça (30) pelos direitos de transmissão dos torneios da federação internacional alegando queda de receita por causa da pandemia. 

Diferentemente dos contratos assinados para TVs aberta e fechada, que preveem uma parte (40% de um total de R$ 1,1 bilhão) repartida igualmente entre todos os participantes, o PPV é distribuído com base no número de torcedores de cada clube que assinam o pacote. 

No ano passado, a emissora usou uma pesquisa encomendada a um instituto especializado em cima da base de assinantes, mas a promessa para 2020 era de criar um cadastro de clientes, com o clube de coração incluído no documento, para poder fazer a divisão dos valores.

Cada equipe, por contrato, tem direito a uma garantia mínima, e é essa quantia que começa a ser paga nessa semana. O Flamengo, clube de maior torcida do país, tem consequentemente a maior garantia, de R$ 120 milhões — em 2019 a estimativa é que os cariocas receberam quase R$ 150 mi somente do PPV. 

Para 2020, esperava-se um valor total distribuído de R$ 700 milhões, R$ 150 mi a mais do pago em 2019, mas a covid-19, que derrubou as assinaturas do Premiere, o canal da Globo para exibir os jogos por meio do PPV, deve fazer com que a quantia final para a temporada fique abaixo do projetado.

O pagamento previsto aos clubes acontece em um momento nada favorável para a Globo. A cada dia que passa, por causa da pandemia do novo coronavírus, o Premiere perde assinantes. A última atualização obtida pelo UOL Esporte mostrou que a Globo já perdeu cerca de 431 mil assinaturas. Com pacotes custando entre R$ 80 e R$ 115, a emissora já perdeu ao menos R$ 34,4 milhões, um valor robusto.

No entanto, a Globo espera que com o retorno de mais Campeonatos Estaduais, além da volta do Brasileiro prevista para agosto pela CBF, o Premiere volte a ter um boom no número de assinaturas. Hoje, pela primeira vez em dez anos, a base de assinantes do Premiere está abaixo de 1,5 milhão de assinantes fixos. 

Mesmo com a volta do Carioca nos últimos dias e o retorno de propaganda das operadoras ao pay-per-view, não foram observadas procuras grandes do público para novas assinaturas. O jogo do Botafogo no domingo (28), por exemplo, teve exibição exclusiva do Premiere.


Flamengo vai à Justiça e pede indenização por meia-entrada dos últimos 5 anos


O Flamengo entrou com uma ação contra a União pedindo indenização do Governo Federal sobre os valores de meia-entrada que praticou nos últimos cinco anos em seus jogos. O Rubro-Negro alega que "não tem o dever de participar do custeio da meia entrada instituída por lei para dar acesso à cultura". A informação foi divulgada inicialmente pelo site 'Esporte News Mundo'.
No documento, ao qual o EXTRA teve acesso, o Rubro-Negro afirma que a União " impõe às empresas privadas uma obrigação, interferindo no ganho de sua atividade" e deseja ter ressarcido o valor que “deixou de receber por conta da concessão do benefício da meia-entrada, na proporção de 100% do total do desconto dado (50% de cada ingresso vendido)".
O Rubro-Negro estipulou R$ 200 mil, mas o juiz federal Fabrício Fernandes de Castro, da 19ª Vara Federal, alegou que "o valor da causa deve refletir o valor dos créditos constatados" e estipulou 15 dias para que o valor seja revisto. O caso corre na Décima Nona Vara Federal do Rio da Justiça Federal do Rio de Janeiro (JFRJ).
"É certo que um clube e uma empresa privada cumprem um papel dentro da sociedade e que por isso possuem, de fato, uma função social. Esta função social, contudo, não é (e nem pode ser substituir) o Estado nos ônus que a sua condição lhe impõe", diz um trecho do documento.
Esta não é a primeira vez que os caminhos de Flamengo e do Governo Federal se encontram. Em maio, os presidentes do Flamengo, Rodolfo Landim, e do Vasco, Alexandre Campello, almoçaram com o presidente da República, Jair Bolsonaro, em Brasília. Entre os assuntos da conversa, esteve o retorno do futebol e a possibilidade dos treinamentos acontecerem no Estádio Mané Garrincha.

segunda-feira, 29 de junho de 2020

“A Glória Eterna”: Conmebol lança dia 14 minissérie sobre título do Flamengo na Libertadores

Enquanto não há definição sobre a volta da Libertadores, a Conmebol dá ao torcedor do Flamengo a oportunidade de relembrar momentos vitoriosos do passado. A entidade lançará no próximo dia 14 uma minissérie com imagens inéditas da conquista do bicampeonato. O nome? “A Glória Eterna”, frase que virou marca da competição.

A minissérie produzido pela Conmebol será divididos em seis episódios, que serão distribuídos dois a cada terça-feira (14, 21 e 28 de julho) em canal oficial da entidade. O primeiro abordará ainda o título de 1981 e passará por todas as 13 tentativas frustradas do bi até o dia 23 de novembro de 2019, em Lima.

Os cinco episódios seguintes relembram a trajetória de Oruro, na Bolívia, com vitória sobre o San Jose, na estreia, até a festa na chegada ao Rio de Janeiro após o 2 a 1 sobre o River Plate. Bicho-papão do futebol sul-americano na década, o time argentino também terá um capítulo exclusivo.

Zico, Mozer, Jesus, Gabigol, Bruno Henrique, Diego Alves, Rafinha e Everton Ribeiro participam da minissérie com depoimentos. Sain, filho do rubro-negro Marcelo D2, foi responsável pelos beats da trilha sonora.

Além de “A Glória Eterna”, o torcedor do Flamengo pode recordar a campanha do bicampeonato da Libertadores na GloboPlay. Desde dezembro está disponível a série documental “Até o fim!”

Justiça veta pedido da Globo, e Flamengo vê caminho livre por jogo no YouTube FLA TV






Ferj define as datas das semifinais e da final da Taça Rio



A Federação de Futebol do Rio de Janeiro divulgou as datas das partidas semifinais e final da Taça Rio, o segundo turno do Campeonato Carioca. Os jogos semifinais serão realizados no dia 5 de julho, um domingo, enquanto a final será disputada no dia 8, uma quarta-feira. Os locais das partidas ainda não foram definidos.

Nestas datas, os jogos ainda serão realizados sem público. O decreto da Prefeitura que permite jogos com público com 1/3 de capacidade nos estádios vale para partidas a partir do dia 10 de julho.





sábado, 27 de junho de 2020

Nasser Al-Khelaïfi autoriza e representantes do PSG estreitam relação com o Fla para tentar contratar meia-atacante


Flamengo passou a ser o clube sensação do continente sul-americano. A forma como o time de Jorge Jesus joga e os títulos conquistados na temporada passada, chamaram atenção de todos que acompanham o futebol. Não é à toa que o Mister recusou oferta do Benfica e preferiu permanecer no Ninho do Urubu para conquistar um título que ficou “engasgado” na temporada passada: o Mundial Interclubes.  

Os jogadores flamenguistas se valorizaram no mercado e alguns jovens estão sendo monitorados atentamente por times europeus. É o caso da joia Lázaro, de apenas 18 anos. A promessa vem sendo lapidada pelo Rubro-Negro há pelo menos três anos e é considerado um atleta com potencial enorme, que pode se tornar um dos maiores talentos em pouquíssimo tempo. 

Nos últimos meses, representantes do Paris Saint-Germain buscaram informações sobre o meia-atacante. O clube francês vem mudando sua filosofia e prioriza investimentos em garotos que ainda estão despontando no futebol. Autorizados pelo sheik Nasser Al-Khelaïfi , agentes consultaram os representantes do jovem para saber uma possibilidade de negociação em um futuro próximo. 

No final do ano passado, Lázaro renovou com o Rubro-Negro até 2025. A multa rescisória gira em torno de 80 milhões de euros (R$ 491,7 milhões) na cotação atual). PSG pretende estreitar relação com a diretoria do Mais Querido para conseguir diminuir esses valores em uma eventual transação. Contudo, o jogador se mantém dedicado ao Fla e seu maior objetivo é ter um espaço no elenco principal. 

Os dirigentes do Paris ainda não formalizaram uma proposta oficial, mas a tendência é que as conversas sejam intensificadas ao longo deste ano. O clube francês quer se antecipar a concorrência de outros rivais do Velho Continente para garantir a contratação de mais uma joia vinda do Ninho do Urubu.  


Qual é a história do botafogo?


O clube não tem: Copa do Brasil, Libertadores, Mundial. Também não tem estádio, não tem torcida. Seu ídolo Garrincha era Flamenguista. Conseguiu ser 2 vezes rebaixado, amargou 21 anos sem qualquer título e nesse período perdeu todo o patrimônio que tinha.

Foi goleado de 6 duas vezes pelo Flamengo na na década de 80, foi vice brasileiro para o Flamengo em 1992, Tri-vice estadual com chororô para o Flamengo... E é um dos maiores freguêses do Mengão...
kkkkkkkkkkkkk

FLA TV





sexta-feira, 26 de junho de 2020

Jorge Jesus é procurado pelo Benfica, mas pacto com elenco do Flamengo pesa em novo "fico"



Clube português fez contato e queria contratá-lo para a próxima temporada. Mister, porém, tem compromisso com os jogadores para tentar ir novamente ao Mundial

Flamengo vai transmitir jogo contra o Boavista via streaming


Conforme noticiado pela mídia, a Globo entrou com uma ação judicial para impedir a transmissão do jogo do Flamengo contra o Boavista, na próxima quarta-feira, e o Poder Judiciário deverá decidir sobre esse pedido nos próximos dias. Portanto, se não houver impedimento judicial, no dia 1º de julho será dado um passo importante para o futebol brasileiro: pela primeira vez, o Flamengo irá fazer toda a produção e transmissão de uma partida oficial de futebol profissional em seu canal próprio, a FlaTV. O jogo será válido pela quinta rodada da Taça Rio, segundo turno do Campeonato Carioca.

Os 42 milhões de torcedores do time, que formam a Maior Torcida do Mundo, poderão acompanhar a programação pela internet, começando a assistir à transmissão da FlaTV ao vivo, direto do estádio Maracanã, a partir de duas horas antes da partida. O pré-jogo levará aos espectadores matérias exclusivas e muita resenha, com o locutor Emerson Santos e os comentaristas Alexandre Tavares e Raul Plassmann, goleiro campeão do mundo pelo Flamengo.


Gustavo Oliveira, vice-presidente de Comunicação e Marketing do Flamengo, destacou a grande transformação que pode acontecer no futebol com a aprovação da MP 984/2020 pela Câmara dos Deputados e pelo Senado Federal.

“É um marco para o futebol brasileiro. Com a MP, todos os clubes, além de se fortalecerem, ganhando maior poder de negociação, poderão fazer ações como esta para suas torcidas. Estamos trabalhando muito para oferecer uma  transmissão de alto nível para todos nossos torcedores, nosso maior patrimônio. Essa transmissão representa a democratização do espetáculo. Ficaremos felizes em proporcionar essa alegria à torcida em um momento de tanta adversidade”, disse. O dirigente ainda chamou atenção para as mudanças na forma de se consumir o esporte nos últimos anos.

“O mundo mudou e o futebol precisa acompanhar as novas tecnologias e necessidades do mercado e do torcedor. Caso seja aprovada no Congresso Nacional e se converta em lei, essa MP vai possibilitar a universalização do acesso do consumidor ao conteúdo futebol nas mais diversas plataformas, aumentando sua liberdade de escolha. Será um enorme legado para o futebol brasileiro”, concluiu.

O Flamengo está negociando com diversas empresas para o patrocínio da transmissão, que deverá alcançar uma audiência recorde no canal do clube.



Ronaldo autoriza negócio e Real Valladolid faz proposta para comprar atacante do Flamengo; multa rescisória do jogador é de R$ 300 milhões


mercado de transferências do futebol esquenta ainda mais com o retorno das competições no continente europeu, assim como os indícios de que o calendário brasileiro está cada vez mais próximo de ser retomado. De olho em reforços, o Real Valladolid, da Espanha, realizou um movimento recente para fechar a contratação de uma jovem promessa do Flamengo.

Nesta sexta-feira (26), o jornalista Venê Casagrande, no jornal "O Dia", revelou que o clube espanhol, que tem como presidente o brasileiro Ronaldo "Fenômeno", está atento ao futebol brasileiro. O Valladolid visa a contratação em definitivo do jovem Yuri César, revelado na Gávea e que atualmente está emprestado ao Fortaleza.

Os valores que seriam envolvidos no negócio não foram revelados, mas o Flamengo teria recusado investida. A negativa do Rubro-Negro, entretanto, não abalou os espanhóis, que podem subir o montante da oferta para fechar com o jogador de apenas 20 anos. O atacante. com perfil parecido com Vinícius Júnior, hoje no Real Madrid, tem encontrado espaço e se destacado sob o comando do técnico Rogério Ceni no Leão do Pici, somando dois gols marcados em duas atuações.

A multa rescisória de Yuri César é de 50 milhões de euros (cerca de R$ 300 milhões). Desde a base, o jovem é tratado como uma joia e vem sendo 'lapidado' para render frutos técnicos e financeiros ao Mais Querido. Diante deste cenário, a diretoria descarta abrir mão do meia-atacante por valores considerados baixos

Apesar de o Flamengo não confirmar oficialmente, representantes do Valladolid garantem que a promessa é monitorada "há muito tempo". O contrato de Yuri César com o Flamengo tem duração até dezembro de 2024 e o Rubro-Negro pode não ficar com a totalidade de uma venda. O presidente do Fortaleza, Marcelo Paz, garante que o clube terá direito à taxa de vitrine, caso o negócio saia ainda em 2020



Atacante Pedro Rocha encanta Jesus nos treinamentos e Pedro não tem mais vaga assegurada como reserva imediato de Gabigol no Fla



Não é segredo para ninguém que Jorge Jesus é um treinador muito exigente e perfeccionista em todos os sentidos. Apesar de ter ganhado quase tudo no ano passado, o comandante tem como principal objetivo voltar ao Mundial Interclubes e levantar o troféu que ficou faltando em 2019. Até por isso, pediu que o elenco fosse ainda mais reforçado e praticamente todas as exigências foram atendidas pela diretoria rubro-negra. 
Com um grupo com mais opções, o português tem aproveitado os treinamentos no Ninho do Urubu para observar o desempenho dos novos atletas e um em especial tem chamado atenção do Mister: trata-se do atacante Pedro Rocha, que chegou em janeiro e está emprestado ao Mengão até o final desta temporada; dirigentes do Mais Querido do Brasil tentam prorrogar o vínculo junto ao Spartak, da Rússia. 
O curioso é que o técnico enxerga o jogador como um “ponta de lança”, na posição de centroavante. Assim, Pedro não tem a vaga mais assegurada para ser o reserva imediato de Gabigol. Nos outros times, Rocha atuou sempre nos lados do campo ou como segundo atacante; foi assim que se destacou com a camisa do Grêmio, onde foi campeão da Copa do Brasil. 
No confronto diante do Bangu, o atleta marcou seu primeiro gol com a camisa flamenguista e foi elogiado por Jesus. Aos poucos, o jovem vai ganhando moral dentro do elenco do Rubro-Negro e pode ser uma das peças fundamentais durante a temporada para entrar no decorrer das partidas, sendo o diferencial para a mudança de esquema que o treinador tanto gosta de utilizar quando jogos estão mais difíceis do que se imaginava. 
Outro reforço que ensaia brigar pela titularidade é Michael. O garoto que fez um ótimo Campeonato Brasileiro pelo Goiás, foi pedido pelo Mister e já impressionou durante o primeiro semestre atuando em algumas ocasiões. Por enquanto, ele será o reserva ideal de Bruno Henrique e Everton Ribeiro.

O maior do mundo




O Flamengo quer em 5 anos 2020, 2021, 2022, 2023 e 2024 criar um streaming top, lançar um canal de TV a cabo, onde iriam transmitir tudo sobre o Rubro-Negro, abrangendo todos os esportes, (futebol, basquete, vôlei, entre outros), ter programas com notícias, debates com convidados, entrevistas exclusivas, mesa redonda com jogadores atuais, assim como outros canais de esportes que as TVs a cabo possuem. 

Todos os comentaristas seriam Rubro-Negros de coração, gostaríamos de respirar Flamengo 24 hrs ao vivo.

A princípio a ideia é atingir 5 milhões de inscritos gratuitamente e no ano de 2021, na transmissão do carioca cobrar um valor simbólico de 0,99 centavos, isso daria por baixo 5 milhões de reais por mês. A globo hj quer pagar 18 milhões por 4 meses, se cobrarmos um valor simbólico 0,99 centavos com 5 milhões iremos ganhar 20 milhões só no campeonato carioca e 60 milhões no ano se a torcida ficar satisfeita.

Quando a parte online estiver perfeita para todos smartphones, Smartv e etc, queremos também implementar o canal em TV a cabo para que a curto prazo após dominar a parte streaming futuramente possamos colocá-lo na TV a cabo e assim arrecadar pelo serviço de assinatura. 

Nossa meta é em 2025 está passando todos os jogos do Flamengo no nosso canal de TV a cabo e no nosso Streaming.

Com um canal de TV a cabo que fala de Flamengo 24 hrs, com os melhores reportes e comentaristas, passando todos os campeonatos nacionais incluindo o Brasileirão, queremos atingir cerca de 10 milhões de rubro-negros, e com isso cobrar um preço de R$ 20,00, com isso o torcedor teria acesso a assinatura de TV a cabo e plataforma digital 24 hrs de qualquer lugar do nosso Brasil e do mundo. Temos a ideia de cobrar os jogos avulsos, assim como funciona o canal combate em dias de eventos, pois os nossos adversário que não teriam interesse em assinar o nosso produto mensal, poderiam estar comprando o evento em que o time dele será o nosso adversário, não deixaríamos nossos jogos restrito somente a nossos torcedores, seria para todos.

10 milhões de rubro negros assinando por R$ 20,00, da exatamente R$ 120 milhões de reais por mês, 1 bilhão e 200 milhões por ano só com nossa torcida. 

Se adicionar os adversários comprando jogos pontuais, nosso patrocínios durante os jogos e diversas outras fontes de renda que um canal irá proporcionar através de captação de novas ideias, poderíamos atingir cifras milionárias. 

Com todo esse contexto como poderíamos aceitar 18 milhões da globo pelo carioca 2020, por isso pedimos R$ 80 milhões. A ideia é o carioca ser o começo de tudo, o teste gratuito, para que posteriormente possamos atingir todas as metas.





quinta-feira, 25 de junho de 2020

Gabigolzinho: atacante do Flamengo lança personagem infantil



Fenômeno de popularidade entre as crianças, o atacante Gabigol, do Flamengo, lançou nesta quinta-feira seu personagem infantil. Intitulado Gabigolzinho, o desenho fez uma participação no especial "Flamiguinhos". Ele faz parte de uma série de produtos licenciados pelo jogador.

No episódio da Fla TV, Gabigolzinho interage com crianças com deficiências.


- Quando me convidaram para participar do Flamiguinhos, ainda mais sabendo da temática que seria, eu aceitei na hora. Achamos que seria uma grande oportunidade para dar vida ao Gabigolzinho. Ficou realmente muito legal, me emocionei, minha família adorou e espero que todos tenham curtido - ressaltou o artilheiro.






O personagem pertence a uma série de produtos licenciados pelo atacante que serão lançados em breve. No início da semana, Gabigol lançou uma coleção de chinelos.

- Fizemos um lançamento conceitual do Gabigolzinho e estamos em processo de desenvolvimento de parceria com licenciadores. O personagem faz parte de uma linha de produtos que levarão a marca Gabigol, e o Gabigolzinho será um representante dela – completou Junior Pedroso, CEO da 4ComM, agência que cuida da carreira de Gabigol.

Em fevereiro, na estreia do Flamengo na Libertadores, Gabigol fez sucesso até mesmo entre as crianças colombianas. Uma delas chegou a entrar no gramado para abraçar o jogador.

Veja outras fotos do Gabigolzinho:






CBF e clubes projetam início de Brasileiro para 8 e 9 de agosto e jogos até fevereiro

Rogério Caboclo na reunião do Conselho Técnico, ainda em fevereiro. Novo encontro virtual projetou início do Brasileiro para agosto — Foto: Reprodução / CBF
A direção da CBF e os dirigentes de clubes das séries A e B projetaram, em reunião nesta quinta-feira, o início do Campeonato Brasileiro para o fim de semana de 8 e 9 de agosto. Com 38 rodadas mantidas, a edição do Brasileiro 2020 só vai terminar em fevereiro.

A informação da data estipulada para o início da competição foi publicada primeiramente pelo portal "Uol". Os clubes decidiram ainda que a Copa do Brasil também retorna a partir do fim da segunda semana de agosto.

A CBF vai marcar as 38 rodadas do Brasileiro e também as partidas da Copa do Brasil - serão dois jogos por semana, exceção ao espaço das datas Fifas, previstas para voltarem em setembro.

Os clubes deliberaram ainda sobre o mando de campo. Como nem todos clubes podem conseguir autorização de prefeitura para liberar partidas, foi discutida a transferência de jogos para outras cidades, que tenham liberação de realizarem eventos esportivos. Os jogos estão previstos sem público. Neste item, apenas o Athletico-PR votou contra. O clube paranaense está momentaneamente proibido de treinar na capital do estado.

Nova janela de transferências


Nessa quarta-feira, os clubes e a CBF já haviam definido o adiamento da janela de transferências. A primeira janela tinha previsão de abertura para o próximo dia 1º de julho (quarta-feira da outra semana), mas será adiada para o fim de julho e deve terminar no fim de agosto. A segunda janela deve ficar para meados de setembro e outubro. As datas exatas ainda serão definidas pela CBF.

A definição de início de Brasileiro provavelmente vai pegar ainda estaduais em curso. Além das competições regionais, ainda há Libertadores e Sul-Americana para encaixar neste calendário.

Às 20h53, a CBF soltou a seguinte nota:
"O campeonato Brasileiro da Série A poderá retornar no dia 9 de agosto, domingo. A Série B tem data prevista de recomeço para 8 de agosto.
A decisão foi tomada na noite desta quinta-feira, em reunião convocada pela CBF junto com a Comissão Nacional de Clubes (CNC) com a participação dos 40 clubes disputantes duas séries.
As datas básicas e o cronograma de retorno foram propostos pelo presidente da CBF, Rogério Caboclo, e apoiadas pelos clubes.
O retorno do futebol depende da autorização das autoridades de saúde. Mas, dezenove dos vinte clubes da Série A se dispuseram a jogar fora das suas cidades, em última instância, caso até lá seus municípios não estejam liberados pelas autoridades de saúde a realizar jogos. Foi um sinal de apoio à realização da competição pela CBF."