sábado, 10 de outubro de 2015

Oswaldo reserva atenção especial para Jajá e Jonas no jogo de domingo


O amistoso deste domingo com a Desportiva Ferroviária-ES, que será realizado em Cariacica, no Espírito Santo, vai servir para Oswaldo de Oliveira observar jogadores que vêm tendo pouca chance com ele. O treinador garantiu que vai levar força máxima, mas também já adiantou que fará todas as 11 substituições permitidas. O duelo está marcado para as 16h.

Entre os atletas que Oswaldo mais quer observar estão o jovem meio-campo Jajá e o volante Jonas. O primeiro entrou apenas uma vez com o técnico, na vitória por 2 a 0 sobre o Cruzeiro no Campeonato Brasileiro. O segundo, por sua vez, fez quatro partidas, apenas uma desde o início - ele era titular com Vanderlei Luxemburgo e na maioria das vezes com Cristóvão Borges. 

- Tem vários assim. O Jajá é um. Ele é um jogador que tem me empolgado em alguns momentos, porque tem muita técnica e tem mostrado que tem um futuro pela frente. Outro nessas condições é o Jonas. Comigo ele não teve tantas oportunidades. Entrou um pouquinho, jogou o tempo todo contra o Cruzeiro. Pontualmente existem outras jogadores com quem temos esse objetivo nessa partida. O fundamental é que todos tenham oportunidade de participar - disse Oswaldo.

Montagem jajá e Jonas Flamengo (Foto: Editoria de Arte)
 
Jajá e Jonas suando a camisa no Ninho do Urubu (Fotos: Gilvan de Souza / Flamengo)


Jajá, apesar de ser meio-campista de origem, vem treinando bastante como lateral esquerdo no time reserva, uma vez que Armero está lesionado. O comandante pode testá-lo nessa posição no amistoso, mas afirmou que não pretende mudá-lo de posição para sempre.

- O Jajá tem reagido muito bem. Claro que tem que se adaptar em muita coisa. Eu só o usaria ali numa emergência, o que pode acontecer. Há pouco tempo no Palmeiras tive que usar um zagueiro na lateral esquerda numa semifinal de Campeonato Paulista. Às vezes acontece, você é obrigado a passar por uma situação dessa. Eu ainda o conheço muito pouco, porque ainda não o vi jogar da maneira como gostaria de ver. Essa é uma oportunidade, por isso estou torcendo. É um jogador de muito talento, conteúdo e potencial. Ele precisa me surpreender agradavelmente.

Oswaldo de Oliveira se mostrou preocupado em dar atenção a todo o grupo e contou que gosta de se "surpreender agradavelmente" com jogadores nos clubes por onde passa.

- Não tem a menor dúvida. Eles sabem disso. Converso com eles e os estimulo o tempo todo. Sempre digo que adoro me surpreender agradavelmente, principalmente com jogadores jovens que ninguém conhece. Acho que a gente consegue detectar o talento e sentir que o jogador é promissor. Fiz isso muitas vezes ao longo da minha carreira. Gosto muito também de estimular jogadores que têm um decréscimo durante a temporada e que precisam se revigorar.

Nenhum comentário:

Flamengo 10 títulos nacionais

Tu és... Time de tradição... Raça, amor e paixão... Oh meu Mengo!!! Eu... Sempre te amarei... Onde estiver estarei... Oh meu Mengo!!!