Tu és... Time de tradição... Raça, amor e paixão... Oh meu Mengo!!! Eu... Sempre te amarei... Onde estiver estarei... Oh meu Mengo!!!

terça-feira, 6 de outubro de 2015

Kalil detona atual divisão de cotas de TV: 'Aberração no futebol brasileiro'



O CEO da Liga Sul-Minas-Rio, Alexandre Kalil, disparou críticas quanto à atual divisão de cotas de TV do futebol brasileiro. Em entrevista nesta terça-feira à Rádio Gaúcha, o ex-presidente do Atlético-MG designou como 'aberração' os valores designados a equipes de São Paulo e aos clubes de Minas Gerais e Rio Grande do Sul:

- É uma aberração o que acontece no futebol brasileiro. Podemos aceitar que Corinthians é um pouco acima de Inter, Grêmio, Atlético-MG e Cruzeiro, mas não o que acontece com clubes paulistas, que recebem mais que o dobro. Inter e Grêmio recebem R$ 80 a R$ 90 milhões. O Corinthians recebe R$ 200 milhões.

Segundo Kalil, a nova liga tem entre suas propostas o objetivo de reduzir a disparidade financeira entre os clubes:

- Estamos dando um passo histórico e gigantesco para reduzir essa diferença brutal. Na tabela, são só cinco pontos (de diferença entre o líder do Brasileirão, Corinthians, e o vice-líder Galo), mas no dinheiro, R$ 100 milhões.

O ex-presidente do Galo mostrou-se confiante no sucesso da Liga Sul-Minas-Rio, e apontou que há uma união muito grande entre os dirigentes:

- Essa classe nunca foi tão boa como está sendo agora. É uma safra espetacular de gente de bem, que quer o bem para o clube, que não tem aquele que quer receber mais que A ou B.

Porém, Kalil descartou comparações com o Clube dos 13, criado em 1987 e responsável por organizar a Copa União. O CEO da Liga Sul-Minas-Rio vê uma união mais moderna.

- É mais moderno que o Clube dos 13. Até porque ele foi feito em 1987. Estamos em 2015. Temos que copiar o que tem de mais moderno na Europa agora.


Nenhum comentário: