Tu és... Time de tradição... Raça, amor e paixão... Oh meu Mengo!!! Eu... Sempre te amarei... Onde estiver estarei... Oh meu Mengo!!!

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

Odebrecht evita prazo para decisão sobre venda de concessão do Maracanã




A Concessionária Maracanã S/A, controlada pela Odebrecht, tem agora o poder de decisão sobre qual empresa será a próxima gestora do Maracanã. Mas a empresa, contudo, oficialmente se nega a dar qualquer prazo, ou mesmo uma estimativa, para tomar essa decisão. O governo estadual já aprovou as concorrentes que pretendem ficar com a concessão. Mas os clubes seguem sem poder utilizar a arena, que não tem previsão de reabertura.

A concessionária já é alvo de ação da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj), que também cobra resposta para a possibilidade de uso do Maracanã para as semifinais e final da Taça Guanabara. Existe uma estimativa não oficial de 20 dias a partir da aprovação do governo, mas sem confirmação.

Nesta quinta-feira, a assessoria da concessionária foi consultada pelo blog. A primeira resposta foi de que a empresa só se pronunciaria após a publicação no Diário Oficial, o que já havia acontecido nesta quinta. Informada, a assessoria respondeu então que só se pronunciaria quando a venda fosse concluída.

Governador ainda terá de dar aval

Após a Odebrecht decidir para quem vai repassar a concessão do Maracanã - Lagardére ou GL Events -, o governador Luiz Fernando Pezão ainda precisará aprovar o nome escolhido para que a operação seja concluída. Não é um processo demorado. Trata-se, normalmente, de formalidade. No caso de veto, o governador precisa justificar a decisão.

Nenhum comentário: