Tu és... Time de tradição... Raça, amor e paixão... Oh meu Mengo!!! Eu... Sempre te amarei... Onde estiver estarei... Oh meu Mengo!!!

quarta-feira, 4 de janeiro de 2017

Preparador relata evolução e se diz otimista sobre Conca: "Superatleta"

Darío Conca só chega ao Rio de Janeiro no início da próxima semana, mas parte de sua força-tarefa particular já o aguarda para o trabalho de recuperação da cirurgia do joelho esquerdo no Ninho do Urubu. Velho conhecido da época de Fluminense, Ronaldo Torres se tornou o anjo da guarda do argentino quando o assunto é parte física. O preparador é será um dos dois profissionais do Shangai SIPG que acompanhará a passagem do meia pelo Flamengo, e tranquiliza o torcedor sobre os primeiros meses pós-cirúrgicos.

Conca Ronaldo Torres (Foto: Arquivo Pessoal)Elkeson, Conca e Ronaldo Torres em treinamento do Shangai no início da temporada de 2016 (Foto: Arquivo Pessoal)
 
O profissional esteve até a véspera do Natal com Conca em Miami, onde conciliou seu trabalho com a fisioterapia. As atividades físicas realizadas ainda são bem leves, sempre na piscina, mas o argentino já caminha normalmente e foi elogiado pelo médico responsável pela cirurgia para reconstrução do ligamento cruzado. Ronaldo Torres deixou previsões sobre volta aos gramados para o departamento médico, mas se mostrou satisfeito com a condição que Darío se encontrava em 23 de dezembro, quando retornou ao Brasil.  
- Ele está evoluindo muito bem. Com flexão e extensão legais da perna, mas é preciso cerca de cinco meses para que seja criado um ligamento até melhor que o anterior. As reavaliações com o médico em Miami foram muito boas. Agora, é aguardar, ter paciência. O Fla vai ajudar muito, vai ser bom para os dois.   

Conca e Ronaldo Torres se conheceram no Fluminense, em 2009, quando o preparador físico fazia parte da comissão técnica de Cuca e depois permaneceu com Muricy Ramalho na campanha do título brasileiro de 2010, quando o argentino esteve em campo em todas as 38 partidas. A dobradinha com o treinador, por sinal, por pouco não foi reeditada no Flamengo no início de 2016. O convite para se aventurar na China, porém, mudou seus planos.   

Em um primeiro momento, o preparador físico faria trabalhos exclusivos com Darío Conca, mas acabou assinando contrato até o fim de 2018 com o Shangai SIPG. Pelo histórico do meia argentino, Ronaldo acredita que o período entre a liberação médica e o retorno aos gramados não será longo:   

- Isso é rápido. A vantagem é que o Conca é um superatleta. Treina muito, tem lastro fisiológico, se dedica muito... Em quase 80% dos jogos, foi o primeiro colocado em distância percorrida. Está no ataque, na defesa, marca muito. Quando estiver liberado, vamos trabalhar bastante com bola, fazer uma pré-temporada rapidinha, por volta de um mês. Mas não posso dar carga sem o aval dos médicos.   

Por fim, Ronaldo, que já trabalhou no Flamengo em passagens na comissão técnica de Joel Santana, falou sobre a rivalidade despertada entre rubro-negros e tricolores com a contratação, e garante que Darío está tranquilo.    

- Não faço muita pergunta sobre isso, deixo ele falar. Fica aquela coisa que falam que é traidor, mas ele é profissional. Quantos ídolos já mudaram de clube? Não que ele fique assustado, preocupado... Foi uma oportunidade que o Flamengo deu para ele.   

Após a contratação do lateral-esquerdo peruano Miguel Trauco, o meia argentino Darío Conca é o segundo reforço anunciado pelo Flamengo para 2017. Ele chega por empréstimo do Shangai SIPG, clube ao qual pertence desde 2015. O vínculo vai até dezembro, e o atleta se apresenta aos novos companheiros no Ninho, no próximo dia 11. O salário do atleta só será pago a partir do momento em que entrar em campo pelo Rubro-Negro, o que ainda não há previsão de data.


Conca Ronaldo Torres (Foto: Arquivo Pessoal) 
Ronaldo Torres celebra vitória ao lado de Conca na China. Amizade desde os tempos de Flu (Foto: Arquivo Pessoal)

Nenhum comentário: