Tu és... Time de tradição... Raça, amor e paixão... Oh meu Mengo!!! Eu... Sempre te amarei... Onde estiver estarei... Oh meu Mengo!!!

domingo, 15 de janeiro de 2017

Com gol nos acréscimos, Flamengo vence Cruzeiro e vai às quartas da Copinha


Ao jogar com a camisa para dentro do calção, Jean Lucas dá a impressão de que é um volante à moda antiga. Que nada. O número 8 do Flamengo, que diz se inspirar no francês Pogba, faz de tudo. Marca, ataca. E balança a rede, claro. O gol dele abriu a classificação do Rubro-Negro às quartas de final da Copa São Paulo de Futebol Júnior, na noite deste domingo, em Osasco. Porém, o meia Vinícius Junior, ao marcar o segundo na vitória por 2 a 1 sobre o Cruzeiro, aos 46 minutos do segundo tempo, tornou-se o personagem do confronto.

O Flamengo, atual campeão, aguarda o vencedor do confronto entre Corinthians e Internacional - partida marcada para esta segunda-feira, às 20h (de Brasília

Vinícius Júnior Flamengo (Foto: Staff Images / Flamengo)Vinícius Junior marcou o gol da vitória do Flamengo aos 46 minutos do segundo tempo (Foto: Staff Images / Flamengo)
 
A trave evitou gol do Cruzeiro, por duas vezes. O zagueiro Tonhão, ao afastar em cima da linha, impediu que o Flamengo marcasse. Três lances, três provas de que o primeiro tempo foi bom. Os dois times buscaram o ataque, verdade que o mineiro um pouco mais organizado. O carioca viveu de jogadas individuais. Thonny Anderson e Denner (contra) acertaram a trave. Tonhão afastou chute de Lincoln, com o goleiro Jonathan já batido.   

O Flamengo voltou melhor do intervalo. Apostando na troca de passes e em jogadas pelos lados, pressionou o Cruzeiro. Logo a dois minutos, Kleber desperdiçou boa chance de falta. Vinicius Souza, de fora da área, assustou Jonathan. A persistência foi premiada, em lindo gol de Jean Lucas. Ele recebeu cruzamento de Moraes, dominou e chutou colocado. A bola desviou na zaga antes de entrar. 

A Raposa sentiu a desvantagem. Demorou a reagir. Gabriel fez grande defesa em cobrança de falta de Rick Sena. Porém, o goleiro falhou ao sair mal e permitir que Tonhão marcasse de cabeça, após cobrança de escanteio. Jogo empatado. Mas... aos 46 minutos, Vinícius Junior, de peito, completou cabeçada Dener e decretou a classificação: 2 a 1. O Cruzeiro chegou a reclamar de impedimento, mas a arbitragem validou o gol.

Nenhum comentário: