Tu és... Time de tradição... Raça, amor e paixão... Oh meu Mengo!!! Eu... Sempre te amarei... Onde estiver estarei... Oh meu Mengo!!!

sábado, 3 de junho de 2017

A volta de quem não foi (ainda): Cuéllar tem chance no Flamengo, mas está na mira de Pet


Cuéllar será titular pela segunda vez consecutiva (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)Contratado com status de titular do meio de campo do Flamengo, Cuéllar já ficou perto de deixar a Gávea em mais de uma oportunidade. Com poucas chances desde a saída de Muricy Ramalho, o colombiano volta a aparecer em  meio a negociação para jogar no Vitória. Zé Ricardo vai escalar Cuéllar ao lado de Márcio Araújo e William Arão no meio de campo para enfrentar o forte meio de campo do Botafogo, no clássico deste domingo, às 11h, em Volta Redonda. Será a segunda partida consecutiva como titular do colombiano - a primeira sequência desde a saída do ex-treinador, hoje comentarista do SporTV.

Na coletiva de imprensa antes do clássico deste domingo contra o Botafogo, Zé Ricardo admitiu a possibilidade de saída de Cuéllar, mas reafirmou que vai usar o jogador enquanto ele estiver disponível no elenco. O gerente de futebol do Vitória, Petkovic, ídolo dos dois rubro-negros (baiano e carioca), quer definir a contratação do colombiano no início da semana que vem. Mas o Flamengo, claro, não quer entregar barato o colombiano. Para efeito de comparação, Paulinho e Luiz Antonio, no ano passado, foram emprestados por R$ 300 mil cada para Santos e Bahia, respectivamente. O preço por empréstimo de Cuéllar será mais alto. O Vitória também arcaria com os salários do colombiano que foi comprado por cerca de R$ 7 milhões ano passado junto ao Deportivo Cali, da Colômbia. 

- Cuéllar vinha em sequência de treino positivo. É um jogador muito profissional, está trabalhando muito. Não sabia do interesse do Vitória antes do jogo. A gente queria ganhar passe longo contra o Atlético-PR, porque sabia que numa inversão poderia pegar dois laterais deles na frente. Mas ainda não sentamos para falar da situação dele. Tanto Rodrigo Caetano como Fred Luz estavam viajando, não tínhamos a informação oficial. Mas enquanto estiver aqui, disponível, vai estar atuando - disse o treinador. 

Cuéllar tem 45 partidas com a camisa do Flamengo. Em 28 jogos foi titular - no Campeonato Brasileiro, porém, será apenas a sexta vez saindo jogando. Quatro delas no ano passado e a segunda consecutiva nesta temporada. 

No início do ano, Cuéllar conversou com Zé Ricardo. O técnico pediu paciência ao atleta e avisou que ele ganharia mais chances durante o ano de 2017. Com mais estrangeiros chegando no elenco, a diretoria rubro-negra avaliava a venda do atleta para abrir espaços no orçamento e recuperar o investimento. Mas nunca chegou oferta que agradasse ao Flamengo. O Atlético Nacional (COL) e o Boca Juniors fizeram sondagens, mas os valores assustaram. Por empréstimo, não houve negócio. Os argentinos, por sinal, acabaram investindo em Sebastián Perez, do Atlético, e desistiram do colombiano do Flamengo. 

O clássico deste domingo parece ser decisivo para a trajetória de Cuéllar no Flamengo. Apesar da presença na lista de negociáveis, das poucas chances recentes, o colombiano já teve mais de uma vez campanha de torcedores em redes sociais contra sua venda. 

- Sempre que que o Cuéllar estiver nos planos do Flamengo e for solicitado para jogar, ele vai jogar. No início do ano o Zé Ricardo chamou ele para conversar e avisou que teria chances. Houve sondagens, mas o futuro dele quem vai decidir é o Flamengo - disse Rafael Beys, um dos empresários do jogador colombiano.

Nenhum comentário: