Tu és... Time de tradição... Raça, amor e paixão... Oh meu Mengo!!! Eu... Sempre te amarei... Onde estiver estarei... Oh meu Mengo!!!

terça-feira, 28 de fevereiro de 2017

Arão sonha com "moradia" no Maraca e defende melhor ataque contra o Flu


willian arão flamengo (Foto: Bruno Giufrida / GloboEsporte.com)
Clássico atrás de clássico, chance de título e estreia na Libertadores. Com a agenda cheia, e boa dose de responsabilidade, o volante Willian Arão falou, na manhã desta terça-feira, após treino no Ninho do Urubu, sobre os próximos compromissos. Mais que isso. Falou sobre o sonho - não só dele - de fazer o clássico contra o Fluminense no domingo no Maracanã. A partida, válida pela final da Taça Guanabara, ainda não tem local definido.

- Estamos falando de Campeonato Carioca. Acho que não é só a minha a vontade de que o jogo seja no Rio de Janeiro, com estádio lotado. Precisamos de grandes públicos. A minha vontade é de que seja no Rio, mas isso, obviamente, foge do meu querer. Eu e outros jogadores gostaríamos muito disso. Por ser uma final, tinha que ser num estádio grande, com grande público, que comporte esse grande clássico.


O que mais anima Arão, porém, é a possibilidade de o Maracanã virar a casa do Flamengo no restante da temporada - não apenas em um ou outro jogo.


- Desde criança eu via o Flamengo no Maracanã, com a torcida empurrando. Não quero que seja só um jogo. quero que vire a nossa casa. Espero ter essa oportunidade.

O jogo de domingo, pela decisão do título, coloca frente a frente o melhor ataque (Flamengo) e a melhor defesa (Fluminense) do Campeonato Carioca de 2016. Questionado sobre o embate, o volante riu e votou pelo ataque rubro-negro.

- Tô ali no meio. Não posso pender nem para um lado, nem para o outro. Mas fazer gol é o momento mais marcante do futebol. Quem faz gol vence, então acho que escolho isso.

Confira outros trechos da entrevista


Estudar o Fluminense
A gente não estuda. A gente sabe da qualidade dos jogadores e de todo setor ofensivo do Fluminense. Estamos treinando e analisando o que eles têm de melhor para que a gente possa se sobressair na partida.

Nunca parei para assistir 90 minutos de jogo do Fluminense. Sei que é uma equipe bem rápida, leve, com uma movimentação muito grande. Sei que vai ser um jogo muito difícil. Precisamos neutralizar essa movimentação deles. Esperamos um jogo aberto, em que quem controlar a maioria das ações vai sair vitorioso.Temos de controlar bem a partida

Carnaval

- Não (gosto). Fiquei em casa com a minha esposa.

Jogo sem estádio definido
Estamos falando de Campeonato Carioca. Acho que, não só a minha, mas a vontade é que seja no Rio de Janeiro, com estádio lotado. Precisamos de grandes públicos. A minha vontade é de que seja no Rio, mas isso, obviamente, foge do meu querer. Acho que eu e outros jogadores gostaríamos disso. Por ser uma final, tinha que ser num estádio grande, com grande público, que comporte esse grande clássico.

Ausência do Maracanã
Expectativa é grande (para debutar no Maraca). Desde criança eu via o flamengo no Maracanã, com a torcida empurrando. Não quero que seja só um jogo. quero que vire a nossa casa. Espero ter essa oportunidade.

Aniversário de Diego
É um grande jogador. A qualidade dele é indiscutível. Ele tem sido um líder, participa muito. É um grande jogador, em qualquer equipe. Tem muita qualidade técnica.

Jejum de participação em finais
- Estamos bem tranquilos. Sabemos que é final, que é clássico. A gente sabe que, apesar de tudo isso, tem que entrar e vencer. Temos que nos preparar da melhor forma possível e vencer ele, que é nosso pensamento.

Melhor defesa x melhor ataque
- Tô ali no meio. Não posso pender nem para um lado, nem para o outro. Mas fazer gol é o momento mais marcante do futebol. Quem faz gol vence, então acho que escolho isso

Nenhum comentário: