Tu és... Time de tradição... Raça, amor e paixão... Oh meu Mengo!!! Eu... Sempre te amarei... Onde estiver estarei... Oh meu Mengo!!!

terça-feira, 10 de janeiro de 2017

Bandeira vai a reunião de organizada e lembra riscos de punição na Liberta


Uma reunião convocada por torcidas organizadas serviu de palestra educativa da diretoria do Flamengo às vésperas de voltar à Libertadores da América. Líderes e membros de uniformizadas se reuniram no hotel Windsor, na Barra da Tijuca, que serve de concentração ao Rubro-Negro. O encontro, organizado pelos torcedores, teve a participação do presidente Eduardo Bandeira de Mello, dos jogadores Alex Muralha e Juan, além dos diretores Fred Luz e Rodrigo Caetano.

O presidente do Flamengo saiu satisfeito da reunião. Havia preocupação da diretoria em apontar os riscos de punições na Conmebol, que está mais rígida em série de questões - como mal comportamento de torcidas, manifestações racistas e homofóbicas. O novo estádio na Ilha do Governador, que vai ter arquibancada bem perto do gramado, também preocupa os dirigentes do Flamengo, que pediram colaboração para o clube não sair prejudicado. 

"Não pode confusão": slide aponta riscos de ações que podem prejudicar o Flamengo (Foto: Arquivo pessoal) 
"Não pode confusão": slide aponta riscos de ações que podem prejudicar o Flamengo (Foto: Arquivo pessoal)
 
- O encontro foi uma iniciativa das torcidas. Fomos convidados e apresentamos os regulamentos e os riscos envolvidos nas ações de torcedores nos estádios, especialmente com relação às regras da Conmebol e às características do estádio da Ilha - explicou Bandeira.

O dirigente lembrou que representantes de torcidas de outros clubes também foram ao encontro. No ano passado, as organizadas do Flamengo entraram em confronto entre si em mais de uma oportunidade - com punição no tribunal desportivo após briga no ginásio do Tijuca Tênis Clube. 

- Eles me pareceram bem intencionados e preocupados com a paz nos estádios e em evitar atos que possam prejudicar o clube - resumiu o presidente rubro-negro.

Nenhum comentário: