Tu és... Time de tradição... Raça, amor e paixão... Oh meu Mengo!!! Eu... Sempre te amarei... Onde estiver estarei... Oh meu Mengo!!!

sábado, 13 de fevereiro de 2016

Flamengo conversa com estrangeiros, e planeja volta ao Ninho para dia 22


ninho do urubu (Foto: GloboEsporte.com)
Depois de disputar seu segundo clássico do ano, o Flamengo deve dar início a uma nova etapa em termos de estrutura. Está previsto para daqui a 10 dias o retorno dos treinos da equipe no Ninho do Urubu, que passa por obras desde dezembro de 2015. O local passa por ampla reformulação e vai receber o elenco principal, que atualmente treina na Gávea, sede social.

A ideia inicial era que o local estivesse pronto no início de fevereiro, e o segundo planejamento dava conta de que as intervenções fossem finalizadas após o carnaval. Mas as obras seguiram, e agora o Flamengo trabalha internamente com 22 de fevereiro como a possível data de retorno do futebol profissional ao Ninho do Urubu.

- Está tudo praticamente pronto, e a tendência é que a equipe passe a treinar novamente no Ninho no fim da semana que vem ou depois do Fla-Flu. Ainda vamos ajustar tudo com o departamento de futebol - confirmou o vice de patrimônio Alexandre Wrobel.

Após as obras, o CT George Helal terá reformulados pintura, vestiário, parte de equipamentos do centro de performance (com academia nova voltada para o campo, com vidro espelhado), auditório de imprensa, pavimentação da entrada e canalização de esgoto.

Depois de enfrentar o vasco neste domingo, o Flamengo fará poucos treinos no Rio de Janeiro na próxima semana. A equipe trabalha na Gávea segunda e terça, quando viaja para o Espírito Santo. Após enfrentar o América-MG pela Primeira Liga, a equipe retorna e no sábado segue para Brasília, local do Fla-Flu pelo Campeonato Carioca.

Mas isso não significa que os trabalhos no Ninho do Urubu estarão finalizados. O Flamengo negocia com empresas estrangeiras que fariam um investimento para melhorias no local. Um dos nomes especulados no clube é a chinesa Sinochem, do ramo de petróleo, que fez visitas ao CT, assim como representantes de uma empresa do Oriente Médio. A ideia é que o investidor tenha como retorno a exposição de sua marca e a possibilidade de usar o centro de treinamento.

A expectativa é de que o CT profissional seja finalizado em outubro ou novembro, enquanto os módulos das categorias de base sejam entregues no fim de 2018.


 

Nenhum comentário: