quinta-feira, 25 de fevereiro de 2021

Octacampeão nacional

Técnico: Rogério Ceni

Hugo Souza, Isla (Matheuzinho, 27'/2ºT), Rodrigo Caio, Gustavo Henrique e Filipe Luís; Diego Ribas (João Gomes, 27'/2ºT, Gerson, Everton Ribeiro e Arrascaeta; Bruno Henrique e Gabriel Barbosa (Pedro, 21'/2ºT).


Thiago Maia renova contrato com o Flamengo até junho de 2022

 

O Flamengo anunciou que renovou o contrato de empréstimo de Thiago Maia, que pertence ao Lille, da França, até junho de 2022. O volante se recupera de uma cirurgia no joelho e a previsão mais conservadora é de que precise de mais seis meses para voltar aos gramados.

Ao fim do período de empréstimo, o Flamengo tem a opção de compra de 50% dos direitos econômicos por 7 milhões de euros (cerca de 47 milhões na cotação atual).

Apesar de estar inativo, Thiago Maia está junto com a delegação do Flamengo em São Paulo para a decisão do Brasileiro, nesta quinta. Ele comemorou a renovação.

- Muito feliz. Todos sabiam que eu queria continuar. Mostrei isso dentro de campo - afirmou o volante.

Durante o período em que o jogador estiver no departamento médico, o Flamengo conseguiu uma composição junto ao Lille, que pagará uma parte dos salários.

No momento, Thiago vem fazendo trabalho de fisioterapia, com sessões de bicicleta e fortalecimento muscular. Há duas semanas ele iniciou o contato com bola.




terça-feira, 23 de fevereiro de 2021

Flamengo lança pay-per-view para transmissão do Carioca 2021 em plataforma própria de streaming

O Flamengo confirmou o lançamento do pay-per-view para transmissão do Carioca 2021 em sua plataforma própria de streaming, a FlaTV+. Além da transmissão dos jogos de todos os clubes, o serviço oferecerá uma cobertura segmentada do pré e do pós-jogo do clube no Campeonato Estadual.

LANCE! já havia noticiado o desejo do clube em lançar a plataforma própria de streaming em janeiro, em entrevista com Gustavo Oliveira, VP de Marketing.

A FlaTv+ é um passo importante para fortalecer nosso relacionamento direto com a espetacular Nação Rubro-Negra. É mais uma prova de que o Flamengo está na vanguarda do mercado esportivo. Com o lançamento da plataforma, vamos dinamizar ainda mais a nossa produção de conteúdos relevantes para os torcedores, aumentando tanto o engajamento com a torcida quanto as receitas para o clube. Temos certeza de que será mais um enorme sucesso - afirmou o VP de Comunicação e Marketing, Gustavo Oliveira, ao site do clube.

O valor do pay-per-view será de R$ 129,90, o qual pode ser parcelado em até 4x de R$ 32,48. A comercialização do serviço começará nesta quarta-feira, quando o Flamengo dará mais informações sobre o pacote. Segundo a publicação do clube, todo o dinheiro arrecadado será revertido para o futebol rubro-negro.




segunda-feira, 22 de fevereiro de 2021

Caso envolvendo Flamengo, Internacional e São Paulo com torcedor colorado pode gerar punição

Uma declaração do torcedor do Internacional que bancou R$ 1 milhão para o lateral Rodinei entrar em campo na partida contra o Flamengo, neste último domingo, chamou a atenção de clubes e torcidas. Após Elusmar Maggi Scheffer apontar que pagaria para o São Paulo vencer o Rubro-Negro, os dirigentes do time carioca já desejam abrir notícia-crime à polícia e a iniciativa de "mala branca" renderia punições às equipes - caso se confirme. 

Em entrevista ao Uol, o especialista Mauricio Corrêa da Veiga, advogado especialista em direito desportivo, julga como uma "bravata" do torcedor e coloca que os clubes não podem aceitar tal "ajuda" com risco de punição. O advogado ainda conta quais códigos da lei Maggi quebraria.

- O Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD) e o Estatuto do Torcedor vedam a prática popularmente conhecida como "mala branca'", que é tão nociva, irregular e infracional como a "mala preta". A vantagem é indevida da mesma forma. Mas tudo depende de provas e circunstâncias. E, lógico, do entendimento da procuradoria e do tribunal.

A frase aconteceu depois da derrota do Internacional por 2 a 1 para o Flamengo, no Maracanã, neste domingo, pela 37ª rodada do Brasileirão. Com a vitória do Rubro-Negro, o Colorado deixa a primeira colocação e o time carioca poderá vencer o campeonato nesta quinta-feira, contra o São Paulo. A alegação do torcedor que pagaria o time Tricolor para derrubar o rival direto pegou mal.

- Manipulação de resultado sob qualquer forma é crime previsto no estatuto do torcedor, ainda mais quando são jogos da loteria federal. Hoje mesmo vamos encaminhar notícia-crime ao MP e à polícia. Esse torcedor pode ser rico, mas vê-se que não é preparado - publicou em rede social Rodrigo Dunshee, vice-presidente geral e jurídico do clube da Gávea, que irá encaminhar notícia-crime ao Ministério Público e à polícia ainda nesta segunda-feira.

​O empresário Maggi - conheça o responsável pela confusão - afirmou que "injetaria dinheiro" no São Paulo para ajudar o Internacional. De acordo com o Uol, o Supremo Tribunal de Justiça Desportivo observa como ilegal a promessa de dinheiro. Logo, caso ocorra algum favorecimento ilícito incluindo dinheiro, as equipes podem ser punidas. Vale lembrar que "mala branca" era uma bonificação comum nas últimas décadas do futebol. 

- É proibido atuar de forma contrária à ética desportiva, com o fim de influenciar o resultado de uma partida. Além disso, há previsão de punição para quem der, receber ou solicitar, para si ou para terceiros, vantagem indevida em razão de cargo ou função, remunerados ou não, em qualquer entidade desportiva ou órgão da Justiça Desportiva, para praticar, omitir ou retardar ato de ofício, ou, ainda, para fazê-lo contra disposição expressa de norma - diz o especialista, que ressalta:

- A prática, portanto, encontra óbice nos artigos 238, 242 e 243-A do CBJD e também nos artigos 41-C e 41-D do Estatuto do Torcedor, que é Lei Federal. 

Os artigos citados colocam punições cabíveis. Por exemplo, de acordo com o CBJD, no artigo 238, "receber ou solicitar, para si ou para outrem, vantagem indevida" pode gerar uma multa de R$ 100 a R$ 100.000,00, além de suspensão por ias de um ano. Na decisão pelo título, o Flamengo recebe o Tricolor nesta quinta, assim como o Internacional joga contra o Corinthians pela rodada 38 do Brasileirão.



domingo, 21 de fevereiro de 2021

Flamengo 2 x 1 Internacional

Gols: Edenílson (0-1, 11'/1ºT), Arrascaeta (1-1, 28'/1ºT) e Gabriel Barbosa (2-1, 17'/2ºT).

Técnico: Rogério Ceni

Hugo Souza; Isla (Pedro, 8'/2ºT), Rodrigo Caio (Natan, 12'/2ºT), Gustavo Henrique e Filipe Luís; Diego (João Gomes, 12'/2ºT), Gerson, Everton Ribeiro e Arrascaeta; Bruno Henrique e Gabriel Barbosa (João Lucas, 20'/2ºT) 



Gabriel Barbosa, do Flamengo, vence o prêmio Craque da Galera do Brasileirão 2020

Gabriel Barbosa, do Flamengo, venceu o prêmio "Craque da Galera" do Campeonato Brasileiro de 2020. A votação online, promovida pela CBF, foi encerrada neste domingo, e o camisa 9 rubro-negro recebeu 53% dos votos. A entrega do troféu da premiação ao atacante será feita na cerimônia organizada pela entidade após o fim da competição.





Saiba quanto e por que premiação para Flamengo e Internacional será diferente em caso de título

 

Flamengo e Internacional, dois únicos candidatos ao título do Brasileirão e que neste domingo se enfrentam no Maracanã, pela penúltima rodada do torneio, terão premiações diferentes em dinheiro pelo título. Se o Inter vencer esta partida ganha o troféu antecipadamente.

A diferença de premiação se dá porque o Flamengo tem acordo de transmissão com a Globo e Sportv, e o Inter, com Globo e Warner (antiga Turner).

Essa será a primeira vez que isso ocorrerá já que o primeiro ano dos novos contratos em vigor foi em 2019 quando o time rubro-negro foi campeão. Antes disso, todos tinham acordos com a Globo e, assim, valores iguais.

Os acordos de transmissão da Série A têm previsão de distribuição por mérito, posição no campeonato. Mas cada canal tem uma regra diferente, além de acordos paralelos entre os times.

Segundo levantamento do site UOL, se o Flamengo ganhar o campeonato ficará com uma premiação de R$ 35 milhões. Desse total, 55% é referente ao contrato de TV Aberta, e o restante, de TV Fechada. Já o Internacional, somando as premiações de Globo e Warner, segundo as regras de cada emissora, ficaria com R$ 23 milhões, sendo R$ 18 milhões da Globo.

O Inter tem contrato com a Warner até o final da edição de 2020 do Brasileiro. A partir do campeonato de 2021, passa a ter só acordos com a Globo.